Procure no JP

quarta-feira, 16 de novembro de 2005

Paulista sub-20 1ªdivisão: Palmeiras 1-3 Santos

Opa,

Feriadão de 15 de novembro e mais um jogo para a cobertura do JOGOS PERDIDOS. Sem a menor cogitação de ficar em casa, e mesmo encarando um calor insuportável, eu e o Jurandyr fomos ao Parque Antárctica acompanhar o jogo entre Palmeiras e Santos, valendo pela primeira partida das semifinais do Paulista sub-20.

Por ser feriado, um belíssimo público esteve presente no estádio, inclusive o amigo Rafael Lusitano estava perdido por lá. A espectativa era boa, já que os dois times possuem belas campanhas nos campeonatos, e no final das contas, o jogo foi muito bom de verdade.

A partida começou com o Palmeiras tentando dominar as ações, mas encontrando um Santos bem armado na sua defesa. Sem chances claras de gol criadas, o Palmeiras não chegou muito a meta do time praiano. Já o Santos teve três chances incrivelmente perdidas dentro da pequena área palmeirense, e quando o time verde se recuperava do susto, numa bola cruzada pela esquerda, o ataque do Santos marcou o primeiro gol da partida.


Detalhe do primeiro gol santista no Parque Antárctica. Bobeada da zaga palmeirense e o atacante livre para fazer o gol. Foto: Fernando Martinez.

Depois disso, o Palmeiras sentiu o gol, e ficando um tanto quanto perdido em campo, tomou logo depois o segundo gol santista, numa bela jogada individual pela esquerda, em que sozinho, o atacante santista aproveitou e marcou depois de um belo chute cruzado e quase sem ângulo. Até o final do primeiro tempo, o time do Palmeiras ainda não tinha acordado e o jogo foi para o intervalo em 2 a 0 para a equipe da Vila.


Escanteio para a equipe santista na primeira etapa. Foto: Fernando Martinez.

O segundo tempo começou com o Santos melhor no jogo, e com o Palmeiras sem fazer muito para mudar a sorte da partida. Mesmo com a maior posse de bola, o time palmeirense não criava chances perigosas, e pior, deixava o contra-ataque aberto para o Santos. Depois de duas chances perdidas, a terceira foi melhor aproveitada, e num contra-ataque rápido, o time da Vila marcou seu terceiro gol.

O Palmeiras então finalmente acordou e foi ao ataque, levando muito perigo ao gol santista. E numa jogada pela esquerda, o alvi-verde acabou marcando seu primeiro gol. Depois desse gol, o Palmeiras ainda teve um pênalti claríssimo não marcado, quando um jogador do Santos puxou pela camisa um jogador palmeirense. O lance era do bandeira, mas ele nem fez nada.


Ataque infeliz do onze palmeirense no finalzinho da segunda etapa. Foto: Fernando Martinez.

Depois disso, mais algumas chances perdidas para o time verde, mas nada que pudesse alterar o placar. Final de jogo: Palmeiras 1-3 Santos, e o alvinegro com a mão na vaga da final, já que pode perder por dois gols de diferença em casa que ainda se classifica.

Por hora é só, em breve tem mais.

Abraços

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário